Verdurão Supermercados
ESTUPRO

Mulher que cortou o pênis de garoto de 13 anos em Francisco Alves se apresenta na delegacia

De acordo com o delegado, ela é irmã do adolescente que estuprou a sobrinha de três anos.

10/06/2019 13h40
Por: Fronteira Online
Fonte: umuaramanews.com.br
Foto: Vinícius Azevedo/Umuarama News
Foto: Vinícius Azevedo/Umuarama News

Um adolescente de 13 anos teve seu órgão genital (pênis) cortado pela sua irmã, 23 anos, após ela descobrir que o menino havia estuprado sua filha de apenas três anos. O caso aconteceu neste sábado (08) em Francisco Alves.

De acordo com a jovem, o adolescente havia cuidado da garotinha de 03 anos e quando ela chegou a noite foi dar banho na filha e percebeu que ela estava com a sua genitália machucada e reclamava de dor, e ao ser perguntada pela mãe sobre o que havia acontecido, a criança disse que o adolescente “havia colocado o piu-piu” em sua genitália. Após o relato da filha, a mãe foi até a casa do irmão que estava no banho e cortou seu pênis.

Ele foi encaminhado para atendimento no Hospital municipal de Francisco Alves e posteriormente transferido encaminhado para o hospital de plantão em Umuarama-PR, sendo acompanhado por uma tia. O adolescente confessou para a essa tia que realmente havia estuprado a prima.

Funcionários do hospital relataram para a Polícia Militar que também que ouviram familiares dizendo que o pai da criança, que atualmente reside na cidade em outra cidade ria até Francisco Alves “para terminar o serviço” contra o adolescente.

A Polícia Militar realizou diligências para encontrar a mulher, autora da agressão, mas até o momento ela não foi localizada.

O Conselho Tutelar foi acionado e também não localizou a mãe nem a criança supostamente estuprada.

A Polícia Civil de Iporã investiga o caso.

(As informações preliminares da PM diziam que o garoto era sobrinho da mulher que cortou seu órgão genital, mas nesta segunda-feira (10) a Polícia Civil divulgou que a mulher é irmã do adolescente)

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias